Tão diversa é a poesia quanto as culturas, onde certos poemas são
difíceis e abstratos, enquanto outros são concretos e fáceis de entender.
Espalhados em todos os lugares, os poemas se encontram em letras de
músicas, em tatuagens, entalhados em troncos de árvores, em casas
simples e casas sofisticadas, declamadas quando estamos tristes, ou
quando estamos apaixonados, felizes ou simplesmente inspirados.

Algumas das melhores coisas da vida são impossíveis de definir.
A emoção é uma delas e na fotografia deve-se expressar de forma
completa o que se sente. Boas fotografias e bons poemas geram mudanças,
podendo inspirar, cativar, enfurecer, desafiar, curar, refletir, emergir ao
que se sente no momento.  A boa arte direta, concisa e precisa chega e
muda a forma como se sente, se pensa e como somos.

segundo Picasso , “O  maior inimigo da criatividade é o senso comum”.
O senso comum é um simples caminho a se tomar, simples e seguro, mas
seca rapidamente tudo que estiver ao alcance. Já a criatividade é vital,
vibrante, mutante e abastece nosso crescimento.  Sentir é estar vivo!
E ser criativo é ser um iniciante continuamente, é buscar o incomum
desejado e não visualizado até então e fazer com que emocione, com que
se faça sentir.

Casamento é emoção!

Mais tarde + Fotos!